Alta Floresta (MT), 21 de agosto de 2019 - 19:54

Saúde

14/08/2019 08:30 Fonte: Gazeta Digital

Mato Grosso notificou 427 casos de microcefalia desde 2015

Mato Grosso teve 427 notificações de alterações no sistema nervoso central, que podem configurar microcefalia, desde 2015. Desses, 80 foram confirmados e 115 ainda estão sob investigação. Os dados constam no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

Dos 141 municípios, 74 registraram notificações, sendo Várzea Grande, Cuiabá, Cáceres e Várzea Grande responsáveis por 62% das suspeitas, com 114, 67, 58 e 28 casos investigados respectivamente. 

Foram 427 notificações, sendo 202 descartadas, 25 com provável diagnóstico de microcefalia e 6 em que o resultado foi inconclusivo, pois os municípios notificantes não encontraram a família para fazer o acompanhamento e mais exames.

Em 2019, foram 8 notificações nos 7 primeiros meses do ano, sendo 3 apenas em julho.

Já na comparação entre os casos confirmados entre 2015 e 2019, 21 ocorreram em Rondonópolis e 18 em Cuiabá. Dos que ainda estão sob investigação, 32 são de Cuiabá, 19 de Várzea Grande e 16 de Rondonópolis.

Das notificações durante a gravidez que acabaram em óbito, foram 40 casos. Desses, 18 correspondem a abortos espontâneos, fetos natimortos e 22 de recém-nascidos e crianças que acabaram falecendo.


Editorial progresso11

Progresso FM 102,1

Av. Ludovico Da Riva Netto, 3274
Alta Floresta/MT - CEP 78580-000
Fone (66) 3521-3501 ou 3521-8188

 

 

Redes Sociais

Alta Floresta
Carregando...

? ºC

/

Proibida a reprodução de conteúdo sem citação da fonte.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo